2005/02/07

Carnaval…



Enquanto recupero uns papéis que vão escorar as minhas memórias dos anos 80 sobre os politécnicos, um post muito curto para me lembrar do Carnaval de quando era menino e moço. Era bem mais visível nas ruas das localidades pacatas do que é hoje; penso que era bem menos espalhafatoso nos corsos que existiam (mas como não havia televisão, não posso ser muito afirmativo…). Nunca me mascarei (nem me mascararam). Mas em alguns anos da minha adolescência ia com o meu irmão e a minha irmã a um daqueles espectáculos que os cinemas proporcionavam e duravam a noite toda, entre filmes e baile, com muitas serpentinas, nuvens de papelinhos coloridos e saquinhos de arremesso cheios de areia ou farinha (e por vezes com materiais mais bélicos, como feijões ou pedrinhas…). O São Luís, em Lisboa, era o nosso cinema preferido. Depois, o Carnaval deixou positivamente de me interessar, e ficou apenas como referência para um feriado agradável, que um dia o primeiro-ministro Cavaco Silva quis suprimir e lhe custou enorme perda de popularidade… Lembram-se disso?

1 comentário:

SaltaPocinhas disse...

Lembro-me muito bem desse "famoso" carnaval, embora não tivesse trabalhado. O meu marido quando chegou do trabalho disse: vamos até à cidade ver o carnaval (eu nem sabia que havia desfile)... E assim eu e os meus (nessa altura) pequenotes fomos ver o carnaval!
E o meu marido também nunca mais esquece esse dia porque o trabalho acabou por ser considerado "horas extra" e aquele dinheiro veio mesmo a calhar numa altura de vacas magras!